Motorola One Vision chega ao Brasil com Visão Noturna

O Motorola One Vision acaba de desembarcar em São Paulo hoje, dia 15 de maio. Em evento, o sucessor do Motorola One chega repaginado, com direito as já esperadas configurações intermediárias e algumas novidades bacanas como câmera frontal dentro da tela, sensor traseiro de 48 megapixels e, direito a participação na iniciativa Android One, assim como seu antecessor.

Chamado One Experience e pesando aproximadamente 180 gramas e design em vidro 4D, o lançamento atende a categoria Mid Premium, isso significa que ficam na faixa de preço de R$1.600 e R$2.500 reias. O grande destaque para esse modelo é o lançamento da melhor câmera em um produto Motorola até então e tela com 6,3 polegadas e tecnologia de cinema, que eles chamam de Cinema Vision.

A Família do Motorola One segue os pilares de Design e Inovação. Mas com o Motorola One Vision há o acréscimo de Agilidade, com foco no público jovem. Com a melhor câmera da Motorola até então, o Motorola One Vision traz a experiência de cinema na palma da sua mão.

Thiago Masuchette, Head do Produto

Motorola One Vision: o intermediário indispensável

Motorola One Vision

Surpreendendo, o que o Motorola One Vision entrega, diferentemente de tudo que a empresa apresenta em seu catálogo diz respeito a performance. Com o Exynos 9610, fabricado pela Samsung, esse processador tem como objetivo atender a demanda de modelos top de linha. Com oito núcleos e velocidade de até 2,2GHz, trata-se de um bom acréscimo para aqueles que procuram desempenho em um modelo mais acessível.

As demais adições contam memória RAM de 4GB, e armazenamento de nada mais, nada menos que 128GB. Vale lembrar que há o acréscimo da tecnologia de armazenamento UFS, um recurso que pode interessar para aqueles que desejam gravar e reproduzir arquivos mais rapidamente.

Outro ponto positivo é a bateria, já que a mesma deixa no chinelo algumas das favoritas da marca como Moto One e Moto G7, com capacidade de 3.500 mAh e carregamento Turbo Power, tecnologia desenvolvida pela Motorola e que dá suporte ao celular por mais de 7 horas de uso constante com apenas 15 minutos de carga.

Design de tela

Motorola One Vision

Outro aspecto de cárater visionário do Motorola One Vision fica na conta da câmera frontal dentro da tela, novidade até então para a Motorola, ainda mais se considerar que o One Vision nada mais é que um modelo dito intermediário.

Na prática, isso significa que, diferentemente de modelos como Moto G7 Plus, ele abre mão do estalhe de tela notch, adotando um visual parecido em modelos top de linha como o Galaxy S10E e Galaxy S10. O sensor, por sua vez, fica alocado no canto superior da tela.

No quesito tela, a resolução supera a largas passadas a geração anterior. Afinal, são 6,3 polegadas com resolução Full HD+ (2520 x 1080 pixels) em formato 21:9. Isso significa resolução de cinema borda a borda. Um bom acréscimo, considerando as críticas em relação ao seu antecessor.

Na parte traseira, há muito pouco a ser discutido, já que a empresa optou por permanecer fiel à identidade estabelecida por se catálogo até então, sendo tudo muito próximo daquilo já encontrado no Moto One, disponível nos tons azul safira e bronze.

Cliques incríveis

O grande destaque deste lançamento com certeza diz respeito à experiência fotográfica. Seja selfies ou fotos com enfoque mais profissional, o usuário não fica não mão com um conjunto fotográfico traseiro que conta com dois sensores, com o principal de 48 megapixels e a secundária com 5 megapixels.

Esta câmera conta com a chamada Estabilização Ótica de Imagem (OIS) que garante fotos nitidaz independente da interferência do ambiente externo, especialmente em ambientes de baixa luminosidade, tendo sensor para identificar profundidade, dando precisão para diferenciar tanto o fundo quanto o primeiro plano da fotografia

Já a câmera frontal, por sua vez, conta com 25 megapixels, com tecnologia Quad Pixel, aumentando a qualidade de definição, contraste e resolução, mesmo que estas sejam feitas sem Flash. Ambas as câmeras, tanto frontais quanto traseiras são incrementadas com tal tecnologia.

Assim como o Pixel 3, o Motorola One Vision possui a chamada Night Vision que permite destacar detalhes no escuro através da captura de múltiplos frames e que, com uma combinação de software e hardware, diminui o número de ruído.

Logo, imagens com maior quantidade de detalhes, mesmo em ambientes com luz noturna, podendo ser acessado manualmente, ou de forma automática, através do uso de inteligência artificial.

O sensor secundário, por sua vez, tem como principal responsabilidade é capturar mais detalhes das composições. Ele também ajuda nas fotos com o modo retrato e outros recursos.

Recursos já encontrados nos modelos Moto G7 são reforçados aqui como as chamadas Moto Ações, que permite uma navegação mais dinâmica e descomplicada.

Pie de fábrica

Uma garantia é o sistema de naveção Android Pie direto da fábrica, algo que já havia acontecido com outros lançamentos da marca ainda este ano. Isso significa atualizações constantes e em menos tempo e suporte a sistemas de navegação que vão ser entregues em um futuro próximo, como já é sabido no caso do Android 10(Q).

O Motorola One Vision estará disponível no Brasil ainda este mês por R$1.999,00.

Ficha Técnica Motorola One Vision

Processador Exynos 9610
GPU Mali-G72 MP3
Memória RAM 4 GB
Armazenamento Interno 128 GB
Armazenamento Extra 256 GB
Câmera Frontal 25 MP
Câmera Frontal – Abertura F/1.8
Câmera Traseira 48 MP e 5 MP
Câmera Traseira – Abertura F/1.8 e F/2.2
Vídeo 4K – 30 fps
Display – Tamanho 6,3″
Display – Resolução 2520 x 1080
Sistema operacional Android 9 Pie
Bateria 3.500 mAh

POST EM DESENVOLVIMENTO

Fonte: Motorola

O post Motorola One Vision chega ao Brasil com Visão Noturna apareceu primeiro em jaipurtechnology.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *